FBI CONTROLE CIA: AMOR & SEXO "

FBI CONTROLE CIA


Mostrando postagens com marcador AMOR & SEXO. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador AMOR & SEXO. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Cientista francês afirma que mulheres não devem usar sutiã


Imagem relacionada
Sem sutiã, seios ficam mais firmes e costas doem menos, diz especialista. Resultados ainda são considerados preliminares, informa rádio.
Após 16 anos examinando os seios de 300 mulheres de idades entre 18 e 35 anos, o cientista francês Jean-Denis Rouillon concluiu que os sutiãs não têm utilidade na luta das mulheres contra os efeitos da gravidade no corpo. Em entrevista a uma rádio universitária francesa, o estudioso disse que o suporte gerado pela peça íntima acaba enfraquecendo a musculatura que sustenta as mamas.
Uma participante do estudo contou à imprensa francesa que os benefícios de viver sem sutiã não são só estéticos. “Você respira melhor, fica com a postura mais ereta, tem menos dores nas costas”, disse a mulher não identificada de 28 anos. Roillon aponta que as vantagens de usar a peça na adolescência são mínimos, e os seios ficam mais firmes com a “liberdade”.
No entanto, o pesquisador diz que “não está certo de que mulheres de meia-idade, com três filhos, se benificiariam ao largar o sutiã”. Roillon aponta que, mesmo depois de tanto tempo de estudo, os resultados são apenas preliminares.
O levantamento feito na França sugere que não usar sutiã seja um ato saudável para as mulheres, segundo informações da rádio pública France Info. O abandono da peça não só reduziu as dores nas costas das mulheres que participaram da pesquisa, como também ajudou a endireitar os seios delas, sem deixá-los caídos.
A equipe de Jean-Denis Rouillon, do Centro Hospitalar Universitário de Besançon, acompanhou 130 mulheres que se dispuseram a não usar sutiã durante anos para avaliar os efeitos.
Em entrevista à radio, Rouillon disse que os primeiros resultados sugerem que o sutiã seja “uma falsa necessidade”, pois o seio não se beneficia do apoio e até se atrofia. A opinião se refere aos pontos de vista médico, fisiológico e anatômico e, naturalmente, não leva em consideração aspectos de moda.
No entanto, na mesma entrevista, o médico ressalta que os resultados são preliminares e foram obtidos com um recorte de população que não representa a população geral do mundo. Por isso, suas conclusões ainda não devem ser consideradas como uma prova científica definitiva contra o sutiã.
Fonte: Pop
fontes ;

[Ensaio VIP] Brena Késsia de língua afiada


brena kessia
(Adam Parsell/VIP)

A modelo usa toda a energia e a disposição da juventude para se dar bem na carreira e nos relacionamentos. E bota disposição nisso!

Ela tem só 20 anos, mas já intimida muito marmanjo por aí — e não é apenas por causa das curvas acentuadas que possui.
A modelo é natural do Ceará, tem opinião forte e está de bem com a carreira: ela assinou um contrato com uma agência e está com viagens marcadas para o exteriror.
brena kessia
(Adam Parsell/VIP)
“Porém, toda essa independência parece afastar os caras de mim”, diz a moça sobre os contras dessa postura na hora de encontrar um parceiro.

Pois é, para conquistar essa morena você vai precisar mais do que um simples papinho. A moça sabe o que quer em um homem.
“Um relacionamento só vai pra frente se o cara for muito seguro de si.” Leu direitinho? Então, trate de achar confiança. Sim, ela é seu número. Para relaxar, por exemplo, Brena gosta de cozinhar e joga minigolfe.
brena kessia
(Adam Parsell/VIP)
Ah, e se diz apaixonada por sexo. É isso mesmo que você leu. “Penso em sexo ao longo do dia tantas vezes quanto um homem, ou talvez até mais”, declara.
Está de boca aberta? Então escute esta: uma das melhores transas de Brena aconteceu dentro do carro.
brena kessia
(Adam Parsell/VIP)
Não, não foi mais uma daquelas típicas rapidinhas no estacionamento. Ela revela que tudo rolou em uma autopista, a mais de 150 km/h. “Foi incrível, e com muita adrenalina!”, exalta.
brena kessia
(Adam Parsell/VIP)
Como começou a carreira muito cedo, a beldade ainda não cursa nenhuma faculdade, mas se interessa pela área da psicologia e também por idiomas.
Aliás, eis outra qualidade da morena: ela é poliglota, fluente em alemão, espanhol, inglês e italiano. E aí, em que língua você vai tentar a sorte?

[Ensaio VIP] Jéssica Duarte, uma beleza natural


Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

A rodovia do Peixe, no Mato Grosso, virou cenário para uma sereia local exibir seu canto entre pedras, barcos e cachoeiras.

Nova York, Buenos Aires, Medellín, Charles Warren é um sortudo. O fotógrafo deste ensaio há poucos anos era analista financeiro em Wall Street.

Agora, corre o mundo clicando lindas mulheres, principalmente modelos.
Criativo, Warren é um nato perseguidor da simbiose entre suas lentes e nesse ensaio, Jéssica Duarte, uma mato-grossense de 1,78 m e intimidade congênita com a natureza.
Abençoado seja o Vale do São Lourenço (Mato Grosso) por cenário tão harmonioso.

Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

O cenário da foto instigou seu desejo?

Sim, me fez pensar na música Sem Pecado e Sem Juízo, da Baby Consuelo. “Tudo azul / Adão e Eva /e o paraíso…”

Gostaria que um homem levasse você para um lugar como esse?

Se ele for inteligente, sim. Eu amo a natureza. E bem acompanhada, por que não?
Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

Está namorando?

Estou solteira. Mas, para mim, sexo é saúde. Com surpresas e inovação, é melhor ainda!
Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

O que os homens devem fazer para despertar seu interesse?

Tem que ser inteligente e extrovertido. Não tem segredo, é só não cometer o pior erro: aplicar uma cantada.
Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

Com esse corpão, os homens não ficam intimidados?

Sim. Mas acredito que beleza não é tudo. É passageira. A atitude de um homem me conquista. Adoro flores, um bom vinho…
Jéssica Duarte
(Charles Warren/VIP)

No sexo, como o homem a conquista?

É bom quando é cavalheiro, mas também tem que ser muy caliente.

Realização: Valter Arantes
Beleza: Ricardo (Studio R2)
Locação: Rodovia do Peixe e Vale do São Lourenço

[Ensaio VIP] Ellen Teodoro, uma flor selvagem


Ellen Teodoro
(Ester Mendes/VIP)

Baladeira e tatuada, a modelo leva um estilo de vida impulsivo que contrasta com seus desejos à moda antiga: quer um cara maduro e romântico pra casar;


O corpo dela é arte, e não apenas por causa das belas curvas: Ellen Teodoro tem nada menos que 11 tatuagens espalhadas pela pele.
PUBLICIDADE

Cada pintura representa algo importante — família, amizade, liberdade e amor —, mas não foram planejadas. Impulsiva, a modelo simplesmente tem uma nova ideia e corre para desenhar na pele. Se enjoar, não tem problema: basta tatuar uma nova figura por cima.
Ellen Teodoro
(Ester Mendes/VIP)
Isso explica muito da personalidade da gata. Ellen costuma passar mais tempo fazendo do que se arrependendo. Ela já tem uma década de carreira de modelo e está no último ano da faculdade de direito.
Até aqui, pode parecer que é dessas mulheres tatuadas, independentes e que quer que os homens se explodam. Mas Ellen foge de qualquer clichê e isso aumenta ainda mais sua beleza.
Ellen Teodoro
(Ester Mendes/VIP)
A catarinense de Florianópolis valoriza caras à moda antiga, que sejam cavalheiros e românticos. “Chocolate e flores é o mínimo”, diz. Aliás, o grande sonho da vida dela é o mais tradicional: se casar e criar uma família.
Por isso, não quer passar nem perto de moleques. “Quando conheço um homem, o mais importante é a maturidade”, revela.
A futura advogada vê num parceiro ideal alguém que a acompanhe nas baladas e também entenda sua carreira. Ciúmes por causa de ensaio fotográfico é o jeito mais rápido de tomar um pé na bunda. Deu pra sacar, né?
Ellen Teodoro
(Ester Mendes/VIP)
Para agradar Ellen na cama, o segredo é não tremer na hora H. Ela conta que muitas vezes os caras fazem quase tudo certo: um jantar em um restaurante legal com muito romantismo e um bom papo.
Só que aí, na hora de terminar a noite perfeita, eles não conseguem lidar com a gata que está na sua frente. “Às vezes, os homens ficam muito nervosos por estarem comigo e acabam fazendo tudo meio atravessado”, revela.
Ellen Teodoro
(Ester Mendes/VIP)
O conselho é de Ellen, mas, você sabe, vale para qualquer um: nenhuma mulher gosta de um cara nervoso e apressado na cama.
Aliás, seu astral — trabalhar bastante, seguir os impulsos e não se arrepender de quase nada — parece um bom estilo de vida. Aprecie este ensaio. É, você não vai se arrepender!

Beleza: Luciana Medeiros
Assistente de fotografia: Danilo Stoqui
Tratamento de imagem: Ester Mendes

[100+ da VIP] Os passos da dona da noite, Paolla Oliveira


Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)

A nossa bicampeã entrou ao vivo para uma entrevista, pousou para fotos, cumprimentou amigos, celebrou com convidados exclusivos e agradeceu o título;

Ainda não há um nome para o que aconteceu no Rio de Janeiro. Só tentativas. Uma única mulher, chamada Paolla Oliveira, foi capaz de trazer significado  à morna terça-feira do dia 07/11, no bairro carioca dos bondinhos.
Quando o relógio bateu 20h30, a atriz pisou no hotel Santa Teresa Mgallery by Sofitel e, rapidamente, esgueirou-se para dentro de um dos 44 apartamentos do local.
Era uma fuga do bem. Subiu um lance de escadas, entrou no quarto e começou o ritual de uma campeã.
Deixou nas mãos de Ale de Sousa a maquiagem, acertou a franja loira, montou um coque, entrou de fininho em um vestido preto, respirou fundo e, no toque do relógio, às 21h30, rompeu a entrada do Bar dos Descasados, onde um enxame de convidados e repórteres estavam a postos para saudá-la.
Ao ver o público, o semblante de Paolla mudou: abriu um sorriso e permitiu-se ser cortejada. Primeiro virou uma vítima confortável para os mais variados cliques e filmagens.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)

Após falar com UOLTV FamaQUEM, Cosmopolitan… Era tempo de voltar a atenção à VIP. No meio do alvoroço, ela pacientemente achou um canto sossegado para entrar ao vivo no nosso Facebook.

Vídeo concluído, era hora de enfim invadir o botequim e entrar na festa. No curto trajeto até lá, pausa para cumprimentar amigos.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)
Dentro da casa, pausa para foto com amigos.
Paolla Olvieira
Yara Charry e Paolla Oliveira (Leo Marinho/VIP)
Espaço para selfie.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)

Após esbanjar boa vontade com convidados, apareceu a oportunidade para agradecer a todos oficialmente.
Ao lado do diretor de redação da VIP, Ivan Padilla, assumiu o microfone e fez uma delicada sequência de obrigados, seguido de um alegre “Vai, Santa Teresa!”
Paolla Oliveira e Ivan Padilla
Paolla Oliveira e Ivan Padilla (Leo Marinho/VIP)
Microfone desligado. Sinal aberto para retomar o papo, por exemplo, com velhos conhecidos de TV, como o ator Ricardo Pereira.
Paolla Oliveira e Ricardo Pereira
Paolla Oliveira e Ricardo Pereira (Leo Marinho/VIP)
Um hiato era formado para alguns autógrafos.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)
Revistas assinadas, Paolla iniciou a retirada do campo de jogo. A cada drible, uma foto. Foram dezenas: solo, em dupla, trio, em grupo.

Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)
A trajetória abriu lugar para mais beijos.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)
Beijo beijo, tchau tchau. A última pose foi o retrato de um título e seu troféu.
Paolla Oliveira
(Leo Marinho/VIP)
Lá estava Paolla e Paolla. Uma em carne e osso. A outra impressa em vários tamanhos, formas e conceitos. De um jeito que só as 100+ da VIP sabe fazer.
fontes ;